Em formação

Atrair insetos para as armadilhas pode ajudar a reduzir o uso de inseticidas

Atrair insetos para as armadilhas pode ajudar a reduzir o uso de inseticidas

Um inseticida é usado para controlar pragas prejudiciais que poderiam devastar as plantações. O problema, é claro, é que o uso de inseticidas geralmente tem sérios custos ambientais.

Ao pulverizar inseticidas nocivos generosamente em suas plantações, os agricultores podem dizimar espécies, incluindo polinizadores importantes como as abelhas, e devastar ecossistemas frágeis. Pior ainda: o vento e a água da chuva freqüentemente carregam produtos químicos perigosos para além das fazendas, fazendo com que seus efeitos sejam sentidos a grandes distâncias.

Uma equipe de químicos e engenheiros químicos das Universidades de Bath e Sussex descobriu uma maneira engenhosa de limitar o uso de inseticidas. Em vez de pulverizar colheitas inteiras, os agricultores podem colocar armadilhas de inseticidas em certas áreas para uma proteção mais direcionada.

Os cientistas fizeram isso usando feromônios de formigas cortadeiras para atrair essas pragas nocivas para as iscas inseticidas. As formigas, que podem devastar as plantas, liberam substâncias químicas que sinalizam às outras formigas o caminho a seguir. Aproveitar o poder desses feromônios para o controle de pragas é um truque bacana.

“As formigas cortadeiras são as principais espécies de pragas da agricultura e silvicultura em muitas áreas dos trópicos, causando cerca de US $ 8 bilhões em danos a cada ano para a silvicultura de eucalipto só no Brasil”, explicam os cientistas. “Os pesticidas tradicionais freqüentemente se degradam rapidamente e não são específicos para pragas em particular, resultando em desperdício substancial de produtos de controle de pragas, contaminação ambiental e efeitos nocivos sobre outros insetos”.

Feromônios podem ser a solução

Cientistas criaram esponjas moleculares chamadas estruturas organometálicas para absorver feromônios de alarme de formigas cortadeiras antes de liberá-los lentamente para atrair os insetos para uma armadilha. Eles também alteraram certos produtos químicos para poder ajustar a taxa na qual os feromônios são liberados para que durem vários meses e não apenas dias.

"Feromônios de insetos foram usados ​​no passado para atrair pragas, mas o problema é que eles são bastante voláteis, então seus efeitos não duram muito", explica o professor Andrew Burrows, chefe do Departamento de Química da Universidade de Bath. "Nossas estruturas organometálicas agem como uma espécie de esponja onde os feromônios podem se encapsular nos poros e se liberar lentamente com o tempo."

Os testes de campo dos pesquisadores em uma plantação de eucalipto no Brasil funcionaram bem, indicando que MOFs carregados de feromônio podem atrair formigas para uma armadilha.

“Este sistema pode reduzir a quantidade de pesticidas pulverizados em uma cultura e pode ser particularmente útil para culturas de alto valor em pequenas áreas”, diz Burrows. "Atualmente, estamos examinando uma variedade de outros produtos químicos mensageiros de insetos, incluindo aqueles que podem ser usados ​​para controlar espécies de pragas de mariposas nos pomares de frutas do Reino Unido."


Vídeo: Conheça os insetos da sua horta (Junho 2021).